Da Primavera Árabe à acampada do Rossio. Do Occupy Wall Street aos Acampas/Ocupas que pipocaram no Brasil durante o ano de 2011. Uma coletânea de relatos e análises sobre as acampadas e os indignados. Por Passa Palavra

DOSSIÊ: Primavera Árabe

Coletânea de artigos publicados a respeito da onda de revoluções que tomou conta do norte da África e do Oriente Médio a partir de dezembro de 2010. Por Passa Palavra

África e a “Revolução 2.0”: Activismo em rede e militância no terreno

Desde os protestos massivos que levaram à queda dos regimes autoritários da Tunísia e do Egipto, tem havido imensas conjecturas e debates acerca da probabilidade de movimentos de protesto semelhantes espalhando-se pela África subsaariana. Por Dibussi Tande

Causas comuns não faltam!

Tudo o que decidimos é proposto, discutido e decidido nas assembleias abertas que vamos fazendo no local marcado, com quem estiverPor Diana Dionísio

Acampados

Os pobres estão sempre em crise. São as vastas camadas médias que, mais do que as mais pobres, estão agora a sentir a diferença, ao fecharem-se cada vez mais as torneiras do trabalho improdutivo. Por Passa Palavra

Impressões sobre a acampada de Lisboa

Aquela espécie de caos organizado, em que tudo foi fluído, incerto, precário e provisório, desde o primeiro ao último dia, apesar dos vários esforços para o converter numa outra coisa qualquer, funcional, ordenada, disciplinada, apresentável e respeitávelPor Ricardo Noronha

EUA: Occupy Wall Street, prenúncio de um “novo bloco social”?

Para quem viveu, ao longo dos últimos anos, a experiência das grandes dificuldades em conduzir com algum êxito lutas sociais de resistência, este movimento, pelo menos, revela recursos escondidos na chamada sociedade civil. Por Charles-André Udry

Sobre o 15 de Outubro: democratização, “indignação”, partidos, etc.

Ainda que possamos ver em abstracto uma aspiração democrática, essa intenção está longe de se traduzir numa vontade política determinada e precisaPor Miguel Serras Pereira

Ciberativismo do Egito à Ocupação de Wall Street

A luta pela liberdade de expressão e ação online se tornou uma coisa só com a luta offline pela liberdade de ir e vir e de idéiasPor Laurie Penny

Goiânia e as manifestações de 15 de outubro

A experiência goiana demonstra que a demanda sobre uma nova forma de organização não desponta sem uma disputa com as formas tradicionaisPor Passa Palavra

A “geração Seattle” e a “geração de acampantes”

A análise do passado e do presente é imprescindível, e tem como objetivo não apenas saber do futuro, mas sabê-lo para, conhecendo suas tendências, agir imediatamente para que o indesejável não venhaPor Manolo

Entre símbolos e ações simbólicas: os indignados e as acampadas

Afinal, os espaços de discussão, se quiserem ser algo frutífero e expansivo, não podem se limitar a resolver demandas criadas pela sua própria existência. Por Passa Palavra

A Ocupa Rio e sua inserção no movimento mundial

As ocupações de praças públicas não são modismos importados do centro, mas respondem aos anseios por uma politização profunda da nossa questão social e devem ser encaradas como laboratórios de auto-formação políticaPor Eduardo Tomazine Teixeira

Um dia na Ocupa Salvador

Se urgentemente as coisas não tomarem algum rumo mais concreto, toda essa energia se transformará em frustração e pessoas com grande potencial se converterão em céticos conformados. Por José Chaplin

OcupaSalvador: diário de viagem

A indefinição absoluta, uma indefinição arraigada quanto a tudo, um “estar em aberto” permanente que sequer conseguia pautar outra coisa além da própria abertura e dos encontros pessoaisPor Manolo

Madrid: «Perante a miséria, saímos para as praças»

18 pessoas foram detidas durante a intervenção policial na Porta do Sol. Após um 12M reivindicativo e pacífico, no domingo várias cidades responderam à chamada #volvemosalas5. Por El Diagonal

DOSSIÊ: Praça Taksim

Coletânea dos artigos publicados a respeito da vaga de protestos que teve origem na Praça Taksim, Turquia. Por Passa Palavra

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here