Das voltas que a vida dá (2)

Das voltas que a vida dá (2)

em 1 abr

Quando os trabalhadores numa luta de vida ou morte mais precisaram daquele respeitado dirigente partidário local, só uma palavra foi o que lhes soube dizer: “calma!” Quatro anos mais tarde, quando aquele respeitado dirigente travava uma luta de vida ou morte dentro de sua organização dizendo posicionar-se em nome dos trabalhadores, aqueles que lá fora ainda lutavam em silêncio lhe disseram: “calma!” Passa Palavra


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Passa Palavra


Copyleft © 2017 Passa Palavra

Atualizações RSS
ou Email