Luta nos aplicativos

Luta nos aplicativos

em 13 nov

Com a popularização dos serviços de aplicativo, surgem novas formas de exploração – e novas formas de luta. Por Passa Palavra

Nos últimos anos, com a popularização dos smartphones, assistimos ao surgimento de aplicativos para todo tipo de serviço. Mais do que deixar “as pessoas mais conectadas”, como se diz, esse processo traz novas formas de exploração. Nesta série, procuramos reunir experiências e reflexões de trabalhadores sobre as condições de trabalho nesse setor e, principalmente, sobre os conflitos.

Se você também trabalha numa empresa de aplicativo e quiser compartilhar sua experiência, envie-nos um depoimento – garantimos o anonimato.

Mobilizações

Luta nos aplicativos: Paralisação dos motoboys da Loggi em São Paulo

Contra a redução do pagamento das corridas, os trabalhadores da Loggi fizeram a primeira paralisação numa empresa de aplicativo no Brasil. Por Passa Palavra

Luta nos aplicativos: A greve da Foodora na Itália

A imagem da “economia compartilhada” começou a ruir quando os trabalhadores reagiram à redução do pagamento das entregas. Por Struggles In Italy

Relatos de trabalhadores

Luta nos aplicativos: Relato de uma trabalhadora do call center da Uber

A famosa empresa segue o raciocínio do famoso pão e circo, e assim permanece soberana e intocável. Por uma trabalhadora

Reflexões

Uberização do trabalho: subsunção real da viração

O Uber torna evidente a tendência de transformação do trabalhador em microempreendedor e em trabalhador amador produtivo. Por Ludmila Costek Abílio

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*



Passa Palavra


Copyleft © 2017 Passa Palavra

Atualizações RSS
ou Email